Como ingressar na Marinha do Brasil: Conheça os requisitos

A importância da Radiografia Panorâmica como primeiro documento radiográfico de valor legal
fevereiro 4, 2020
Enchimentos cutâneos e Toxina Botulínica Mercado 2020 Participação da indústria global, tamanho, receita, oportunidades de crescimento dos negócios e Previsão Relatório de Pesquisa para 2025
fevereiro 4, 2020

Dentista em Santos



Conheça as formas de ingressar na Marinha e as possibilidades de concursos para se tornar um militar das Forças Armadas.

Olá alunos(as)!

Este é o primeiro de uma série de três artigos que serão feitos para explicar a você todas as formas para ingressar na Marinha, no Exército e na Aeronáutica.

O primeiro artigo da série será o da Marinha do Brasil – seguindo a antiguidade, é claro!

Sobre as Forças Armadas

As Forças Armadas (FFAA) são constituídas pela Marinha, pelo
Exército e pela Aeronáutica, sendo instituições nacionais permanentes e
regulares. Sua organização é com base na hierarquia e na disciplina, possuindo
como autoridade suprema o Presidente da República. Isso é o que prevê o art.
142, caput, da Constituição Federal de 1988.

Além disso, a Carta Magna define que as FFAA destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes
constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem.

Assim, os membros das FFAA, em razão de sua destinação constitucional, formam uma categoria especial de servidores da Pátria e são denominados militares.

A Marinha do Brasil é a mais antiga das três Forças e, para o cumprimento da sua missão
constitucional, deve preparar e aplicar o Poder Naval.

Já como atribuição secundária, de acordo com a determinação do Presidente da República, deve cooperar com o desenvolvimento nacional e a defesa civil.

Ademais, a Marinha também tem por incumbência o policiamento da costa brasileira e das águas interiores, no que se refere à segurança da navegação, à salvaguarda da vida humana no mar e à prevenção à poluição hídrica.

Formas de Ingressar na Marinha

Primeiramente, importante saber que é possível ingressar na Marinha, assim como no Exército e na Aeronáutica, por diversos meios, e não só pelo serviço militar obrigatório.

Também é facultado, mediante incorporação, matrícula ou nomeação, a todos os brasileiros que preencham os requisitos estabelecidos em lei e nos regulamentos das três Forças.

Outro ponto que poucos sabem é que há inúmeras oportunidades para ingressar na Marinha aos diversos níveis de escolaridade, idade e sexo, tendo sido feito um intenso trabalho nos últimos anos visando a inclusão.

Aqui, serão organizadas por nível de escolaridade as formas
de ingresso na Marinha. Vamos lá!

NÍVEL DE ESCOLARIDADE: ENSINO SUPERIOR

O candidato já deve ter concluído o ensino superior numa
instituição civil e realizar concurso público ou processo seletivo de acordo com
a sua área de formação.

A seguir, serão abordados os seguintes modos para ingressar na Marinha do Brasil para quem já possui uma graduação:

  • Serviço Militar Voluntário – SMV
  • Corpo de Engenheiros da Marinha
  • Quadro Complementar da Marinha
  • Corpo de Saúde da Marinha
  • Quadro Técnico do Corpo Auxiliar

Serviço Militar Voluntário – SMV

Inicialmente, a palavra “voluntário” passa a impressão de “sem
remuneração”, não é mesmo?

Essa é uma das grandes dúvidas de toda pessoa que começa a
pesquisar sobre as formas de ingresso nas FFAA.

Ocorre que a terminologia “voluntário” foi utilizada em oposição à palavra “obrigatório”  – aquele serviço para o qual alguns homens são convocados ao completarem 18 anos de idade.

Ingressar na Marinha como Oficial Temporário - Formatura de Oficiais RM2 (2017) no CIAW
Ingressar na Marinha como Oficial Temporário – Formatura de Oficiais RM2 (2017) no CIAW

Portanto, fique tranquilo, pois o serviço é remunerado e muito
bem remunerado
, diga-se de passagem!

Para você ter noção, a remuneração (soldo + adicionais) do posto inicial, que será o de Guarda-Marinha, é de R$ 9.020,97. Ao final da carreira como Oficial Temporário, no posto de Capitão-Tenente, a remuneração é de R$ 11.784,15. Isso sem incluir outros adicionais que o militar pode receber no caso de possuir especializações.

Para ingressar na Marinha pelo Serviço Militar Voluntário, o interessado deve prestar um Processo Seletivo, o qual, usualmente, ocorre a cada ano.

O último Processo Seletivo para RM2 ainda está em andamento, mas as inscrições já se encerraram. Entretanto, caso você tenha curiosidade, pode verificar informações no site da Marinha do Brasil.

As especialidades são diversas:

  • Área da Saúde;
  • Área de Apoio à Saúde;
  • Área Técnica;
  • Área Técnica-Magistério;
  • Área de Engenharia.

Importante observar que as vagas são distribuídas pelos 9 Distritos Navais, ou seja, não é um Processo Seletivo único.

Lembrando que o SMV é possível para ambos os sexos. Porém, em razão das alterações promovidas pela Lei 13.954/19, voltou a ser definido limite de idade para o ingresso na Marinha do Oficial Temporário – 40 anos.

Caso você tenha se interessado e queira saber mais, leia este artigo no blog do Estratégia:

Oficial Temporário da Marinha do Brasil: Conheça a carreira!

Corpo de Engenheiros da Marinha

O Corpo de Engenheiros da Marinha é destinado a homens e mulheres de até 36 anos de idade no dia 1º de janeiro do ano do curso e que possuam curso superior nas seguintes especialidades:

  • Arquitetura e Urbanismo;
  • Engenharia Cartográfica;
  • Engenharia Civil;
  • Engenharia de Materiais;
  • Engenharia de Produção;
  • Engenharia de Sistemas de Computação;
  • Engenharia Eletrônica;
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia de Telecomunicações;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Naval;
  • Engenharia Química.

Ao ingressar na Marinha por este Quadro, o militar inicia a carreira como Guarda-Marinha e pode galgar ao posto de Vice-Almirante.

Por fim, importante citar que os Oficiais terão a
oportunidade de participar de projetos de ponta, como o Programa Nuclear da
Marinha
, além do Projeto de Desenvolvimento, Construção, Operação e
Manutenção de Submarinos
, com cursos e estágios no Brasil e no Exterior.

Acerca dos próximos concursos, já há edital publicado para a seleção de novos Engenheiros da Marinha, com inscrições de 9/3 a 23/3/2020. Ainda, segundo o Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha (SSPM), a previsão de realização da prova é na 1ª quinzena de maio de 2020.

Quadro Complementar da Marinha

Este concurso destina-se a selecionar pessoas para complementarem os quadros de Oficiais formados pela Escola Naval e é composto pelo Corpo de Intendentes (IM), Armada (CA) e Fuzileiros Navais (FN).

Corpo da Armada (CA) e de Fuzileiros Navais (FN)

Com relação ao Corpo da Armada (CA) e de Fuzileiros Navais (FN), são destinados apenas para candidatos do sexo masculino, além de ser necessário ter menos de 29 anos de idade no dia 1º de janeiro do ano do curso.

Sobre o Corpo de Fuzileiros Navais, observa-se que é uma unidade de elite da Marinha. Em tempos de paz, atuam na segurança das instalações do Mar, no apoio às forças de segurança e no auxílio a populações carentes. No exterior, zelam pela segurança das embaixadas brasileiras.

Ingressar na Marinha - CC França
Capitão de Corveta França

As especialidades são inúmeras, tanto que nem é possível citá-las
todas aqui. Subdividem-se em 4 grandes áreas de concentração:

  • Concentração em Eletrônica: Ciências Náuticas, Engenharia de Computação, Engenharia Elétrica etc.;
  • Concentração em Máquinas: Ciências Náuticas, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Engenharia de Minas, Engenharia Nuclear etc.;
  • Concentração em Sistemas de Armas: Ciências Náuticas, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia de Mecânica de Armamentos etc.; e
  • Concentração em Educação Física.

As possibilidades de crescimento profissional são muitas, já que os militares terão oportunidade de realizarem cursos extraordinários em instituições civis e militares no Brasil e no exterior; comandarem navios, submarinos e esquadrões de helicópteros e de aviões; dirigirem organizações militares; trabalharem no exterior e desempenharem outras atividades de interesse da Marinha.

Nesse quadro, o militar ingressa como Guarda-Marinha, chegando ao posto de Capitão de Mar e Guerra. Os do Corpo da Armada podem, ainda, por escolha de uma Comissão de Avaliação, galgarem ao posto de Almirante e chegar até o  posto de Almirante-de-Esquadra, o mais alto da Marinha.

Corpo de Intendentes (IM)

Já no que se refere ao Corpo de Intendentes (IM),
ambos os sexos podem participar da seleção, mas o limite de idade é o
mesmo. Esse é o Corpo que gerencia e conduz as atividades de Administração,
Abastecimento e Finanças nas Organizações Militares da Marinha.

Quanto às áreas de formação, podem ser:

  • Administração;
  • Ciências Contábeis; e
  • Economia.

A carreira é semelhante à da Armada, ou seja, também
ingressam como Guarda-Marinha e podem ascender ao posto de Vice-Almirante.

Segundo o Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha (SSPM), a previsão de realização de prova é para 1ª quinzena de junho de 2020.

Corpo de Saúde da Marinha (CSM)

O Corpo de Saúde da Marinha (CSM) destina-se a suprir a
Marinha com Oficiais para o exercício de cargos técnicos relativos às
atividades necessárias à manutenção da higidez do pessoal militar da Marinha.

Destina-se a candidatos de ambos os sexos, além de
ser necessário ter menos de 36 anos de idade no dia 1º de janeiro do ano
do curso.

Outro ponto bem interessante é quanto à possibilidade de
realização de cursos extraordinários, de pós-graduação, no Brasil ou no
Exterior, destinados ao seu aprimoramento técnico-profissional.

Os Quadros são os seguintes:

  • Quadro de Médicos;
  • Quadro de Cirurgiões-Dentistas; e
  • Quadro de Apoio à Saúde.

Quadro de Médicos

Abrange diversas áreas de conhecimento específicas: Clínica Médica, Cirurgia Geral, Radiologia, Anestesiologia, Ginecologia e Obstetrícia, Pediatria, Psiquiatria, Ortopedia e Traumatologia.

O Quadro de Médicos do Corpo de Saúde da Marinha (CSM) é
voltado para Oficiais atuarem na Medicina assistencial (Ambulatórios,
Policlínicas e Hospitais Navais), Medicina operativa (navios e tropas),
Medicina pericial (Juntas de Saúde) e pesquisas médicas (em Instituto de
Pesquisas Biomédicas).

Quanto à carreira do Oficial Médico, o militar vai ingressar na Marinha como Guarda-Marinha, podendo chegar a Oficial General.

Sobre este ponto, destaca-se que, no ano de 2012, a médica Dalva Maria Carvalho Mendes tornou-se a primeira mulher da história a ocupar um cargo de oficial general das Forças Armadas e recebeu a platina de Contra-Almirante.

Ingressar na Marinha - Quadro de Médicos:  Contra-Almirante Dalva Maria Carvalho Mendes em frente ao 1º Distrito Naval, na Praça Mauá, Rio de Janeiro 
Foto: Márcia Foletto - Agência O Globo
Ingressar na Marinha como Médico: Contra-Almirante Dalva Maria Carvalho Mendes em frente ao 1º Distrito Naval, na Praça Mauá, Rio de Janeiro
Foto: Márcia Foletto – Agência O Globo

Quadro de Cirurgiões-Dentistas

Também engloba muitas profissões: Cirurgião-Dentista ; Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial; Dentística; Endodontia; Implantodontia; Odontopediatria; Ortodontia; Patologia Bucal e Estomatologia; Periodontia; Prótese Dentária; e Radiologia.

Quadro de Apoio

O Quadro de Apoio à Saúde engloba as seguintes áreas de formação: Enfermagem; Farmácia; Fisioterapia; Fonoaudiologia; e Nutrição.

A sua carreira, tanto do Quadro de Cirurgiões-Dentistas, quanto
a do Quadro de Apoio, começa como Guarda-Marinha, podendo chegar a Capitão de
Mar e Guerra.

Lembrando que há edital publicado para o CSM, com inscrições de 9/3 a 23/3/2020, e que já está disponível o Curso para Concurso do Corpo de Saúde da Marinha (CSM).

Quadro Técnico do Corpo Auxiliar

O Quadro Técnico (T) do Corpo Auxiliar da Marinha destina-se
ao preenchimento de cargos técnico-administrativos que visam às atividades de
apoio técnico e às atividades gerenciais e administrativas em geral, além das
atividades inerentes à carreira militar.

Grande quantidade de áreas são abrangidas, dentre as
quais pode-se destacar: Ciências Biológicas; Ciências Náuticas; Comunicação
Social; Direito; Educação Física; Informática; Meteorologia; Oceanografia; Pedagogia;
Psicologia; Serviço Social etc.

A carreira do Quadro Técnico inicia-se como Guarda-Marinha e
vai até o posto de Capitão de Mar e Guerra.

Ainda, segundo o Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha (SSPM), a previsão de prova é para 1ª quinzena de junho de 2020.

NÍVEL DE ESCOLARIDADE: ENSINO MÉDIO (TÉCNICO)

A Marinha também possui quadros que exigem apenas o nível
médio técnico:

  • Corpo Auxiliar de Praças (CAP)
  • Quadro Técnico de Praças da Armada (QTPA)

Corpo Auxiliar de Praças (CAP)

A função do Corpo Auxiliar de Praças é executar e apoiar, no
nível técnico, as gestões Administrativa, Operativa e de Saúde da Marinha. Assim,
normalmente, exercem atividades nas organizações militares em terra, ou ainda,
embarcando em navios de acordo com a necessidade do serviço.

No CAP, as vagas são para ambos os sexos,
diversamente do QTPA, que permite o ingresso apenas de pessoas do sexo masculino.

Como dito, para ingressar na Marinha pelo CAP, basta que o candidato com menos de 25 anos de idade no dia 1º de janeiro do ano do curso, tenha ensino técnico de nível médio completo nas áreas de interesse da Marinha.

Essas áreas são bem diversas, podendo-se destacar
algumas: Administração Hospitalar; Contabilidade; Eletrônica; Enfermagem; Estatística;
Gráfica; Marcenaria; Mecânica; Metalurgia; Meteorologia; Motores; Processamento
de Dados; Química; Radiologia Médica;  Telecomunicações etc.

Com relação às graduações, o militar inicia o curso como Praça
Especial, no grau hierárquico de Grumete. Após, é promovido a Cabo, podendo
chegar à graduação de Suboficial, última da carreira.

Para ser promovido e alcançar as demais graduações da
carreira, os militares devem realizar cursos de especialização e de
qualificação técnica, todos fornecidos pela Marinha.

Importante salientar, ainda, que podem também realizar o concurso
interno para o ingresso no Quadro de Oficiais a partir do quarto ano como
Terceiro-Sargento. Para isso, devem possuir curso superior em área de interesse
da Marinha, chegando assim até o posto de Capitão de Mar e Guerra.

Acerca dos próximos concursos, segundo o Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha (SSPM), a previsão de prova é para 2ª quinzena de outubro de 2020.

Quadro Técnico de Praças da Armada (QTPA)

A atribuição principal do QTPA é o guarnecimento dos navios de superfície, submarinos e aeronaves da Marinha do Brasil.

Nessas Organizações Militares, executarão tarefas relativas à operação e à manutenção de equipamentos e sistemas, à conservação de compartimentos e materiais, além de participarem em serviços gerais e específicos nesses meios. Porém, também podem ser designadas para funções técnicas ou administrativas.

Com relação à forma de ingressar na Marinha pelo QTPA, é semelhante ao do CAP, visto anteriormente. A única diferença é que o QTPA permite o ingresso apenas de pessoas do sexo masculino.

As áreas de formação abrangidas são divididas em duas
grandes áreas
:

  • Eletroeletrônica (Técnico): Automação
    Industrial; Eletroeletrônica; Eletromecânica; Eletrônica; Eletrotécnica; Eletrotécnica
    Naval; Mecatrônica.
  • Mecânica (Técnico): Manutenção
    Automotiva; Mecânica; Mecânica Naval; Mecatrônica; Refrigeração e Climatização;
    Manutenção de Máquinas Pesadas; Mecânica da Precisão.

Já, no que se refere à carreira, aqui o militar ingressa na graduação de Cabo. Ao final do curso de formação, passará a ocupar a graduação de Terceiro-Sargento e a sua carreira também é limitada à graduação de Suboficial.

Contudo, a partir do quarto ano como Segundo-Sargento, podem
realizar o concurso interno para o ingresso no Quadro de Oficiais, desde que
possuam curso superior em área de interesse da Marinha, tendo a possibilidade
de chegar, assim, ao posto de Capitão de Mar e Guerra.

Benefícios

Para todas as carreiras citadas neste artigo, há muitos
benefícios, que se iniciam já no curso de formação.

Os cursos são totalmente gratuitos, incluindo alojamento,
alimentação, ajuda para aquisição de uniformes, assistência médico-hospitalar,
odontológica, psicológica, social e religiosa. Além de que, ao longo do curso,
os militares já recebem o soldo correspondente à graduação ou ao posto no qual entraram.

Quanto à estabilidade, é adquirida após cinco anos de
serviço.

Além disso, como já foi mencionado, a carreira é composta por diversos níveis hierárquicos, com possibilidade de ascensão contínua e com o respectivo aumento da remuneração. Você pode conferir a tabela de soldos no site da Pagadoria de Pessoal da Marinha.

Os militares também têm a oportunidade de realizarem cursos
de aperfeiçoamento, especialização, o que inclui mestrados e até doutorados, no
Brasil ou no exterior.

Para mais informações, acesse ao site do Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha e veja todos os detalhes acerca de todas as formas de ingresso na Marinha.

Gostou
dessa oportunidade e deseja começar a se preparar agora mesmo? Confira os nossos
cursos exclusivos e inicie seus estudos!

Luana
Vicente dos Santos Furlani
Coach do Estratégia Concursos
Instagram: @luvicentesantos

ASSINE AGORA – Assinatura Ilimitada

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2020

CURSOS PARA CONCURSOS

Fonte: https://www.estrategiaconcursos.com.br/blog/como-ingressar-na-marinha/


Agende agora sua avaliação!

A Dentari Odonto Clínicas possui clinica odontologica em Santos e São Vicente e foi criada para elevar o seu conceito de qualidade e tecnologia em todas as áreas da odontologia, com destaque para implante dentário realizado em 28 dias, excelente para você que estava procurando por implante dentario em Santos ou São Vicente.

Assim como toda empresa que trilha vários caminhos para se tornar um bom negócio, temos uma boa história. Com fácil localização, conseguimos atender de maneira personalizada você que procura por dentista em Santos ou até mesmo por dentista em São Vicente. Nossa unidade de Santos, está localizada no Gonzaga e nossa clínica de São Vicente, no centro da cidade.

Antes de se tornar Dentari, a história se inicia a partir de um sonho. O sonho de mudar a vida das pessoas. O desejo de mudança, de realizações, nunca começa sozinho. Com o pensamento mútuo de conquistar o sucesso, energia, técnica, método, atendimento e tecnologia.

Nasceu então a Dentari, uma clínica odontológica de alta performance, com renomados dentistas, que alia a melhor tecnologia disponível no mercado mundial aos melhores profissionais multiespecialistas.

Com procedimentos clínicos dinâmicos, a Dentari otimiza o tempo do paciente, trazendo a solução desejada de maneira fácil e rápida. O paciente recebe o melhor atendimento com todo o conforto que a clínica oferece.

O principal resultado é a satisfação dos clientes ilustrada em sorriso.



Saiba mais:


Dentista em Santos | Dentista em São Vicente | Dentista Aparelho | Implante Dentário em Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *